Header Ads

Marília Mendonça não cedeu à pressão para mudar a aparência

Marília Mendonça: ela
 disse não à mudança de imagem
Foto: reprodução/instagram


Ela tem apenas 20 anos, mas basta começar a falar para a gente ter a impressão de estar diante de um mulherão de vasta experiência na vida. Não que ela não seja, sim, um mulherão. Mas Marília Mendonça, cantora sertaneja que está entre os dez artistas mais tocados no país (é dela a música "Infiel"), é ainda uma menina. Prodígio, claro.
Aos 12 anos ela começou a compor músicas de amor. Foi no Youtube que encontrou seu palco e seu público. “A internet me ajudou demais. 80% do meu sucesso hoje veio disso”, acredita Marília, que nasceu em Goiânia, celeiro de inúmeras duplas sertanejas: “Por isso também o lugar mais difícil para fazer um nome”.


Cachê nas alturas
Pode até não estar rica, mas com a média de 20 shows por mês pode estar perto disso. O mercado diz que um show de Marília já tem a garantia de R$ 150 mil. Ou seja, este é o valor que o contratante banca. Se a portaria for maior, ela leva a metade. A cantora, no entanto, não fala sobre valores. “Depois vai ter parente achando que estou cheia de dinheiro”.

Namorando há três meses, ela diz que suas músicas conquistaram fãs porque não mostram a mulher sofredora por trás de canções de amor. “Acho que mostro a mulher independente, que chega junto. E canto para elas. Não adianta fazer música que fale para o homem. Isso os sertanejos já fazem”, pondera ela, que não se acha uma “femineja”: “Não vou dizer que não haja preconceito no meio e machismo. Mas é melhor parar de mimimi e provar sua competência no palco”.


Fonte: Extra
Foto: Instagram
Tecnologia do Blogger.